Casamento e Dinheiro – Relação abalada

Uma relação à dois necessita de muito empenho de ambos, no entanto é difícil segurar a situação quando envolve dinheiro na financeira. Entenda como se prevenir do divórcio por causa da falta de dinheiro. Casamento e Dinheiro – Relação abalada

Nos dias de hoje tem sido cada vez mais difícil, ter que lidar com dinheiro, e por esse motivo é que o índice de devedores tem crescido de maneira abrupta nos últimos anos.

Isso porque a economia do nosso país nos tem afundado ainda mais em contas, porém, é importante saber como o casal no caso aqui também tem culpa.

Sair do conforto da casa dos pais não é uma tarefa tão fácil quanto se parece antes de se casar e ver que as contas não se pagam sozinhas e nem que a geladeira enche magicamente.

Essa mudança de vida faz o casal ver tudo com outros olhos, e esse choque de realidade, onde envolve as finanças é algo assustador para o começo de uma relação conjugal.

Por isso é importante estar atento a algumas dicas, seja se já se encontra casado ou pretende se casar.

Por esse motivo continue comigo e veja como é possível se preparar para essas situações, de maneira que o casal consiga passar por isso de maneira menos tensa e com risco de separação;

Dicas de como não abalar o casamento por causa de dinheiro

Veja agora alguns erros que alguns casais cometem antes de se casar, para que dessa forma você entenda o que está passando e tente contornar a situação da melhor maneira possível sem abalar muito a relação.

Criar expectativas exageradas

É muito importante desde o começo que não haja expectativas exageradas em relação ao casamento, como por exemplo que as contas podem ser pagas com até mesmo o salário de um e do outro será para diversão.

Na realidade as coisas não funcionam bem assim, pelo contrário ao dar de frente com a realidade de uma vida financeira escassa na qual o dinheiro todo fica em contas.

Portanto é importante estar bem conversado a respeito de fazer economias para poupar dinheiro antes mesmo de viverem uma a dois.

Essas conversas devem surgir ainda na relação entre namoro e noivado, para quando o casamento finalmente acontecer, não chegue a acontecer a ‘’síndrome da realidade do casamento’’ como acontece com muitos casais.

Casamento e Dinheiro – Não ser sincero em relação ao que incomoda

Com medo de desagradar o companheiro (a) muitas das vezes é feito vista grossa para situações que realmente incomodam. Como por exemplo gastos excessivos com salão de beleza ou eletrônicos por exemplo.

Coisas desse tipo devem ser conversadas de maneira lógica e apresentando fatos de como isso tem abalado a situação financeira da casa e que a qualquer momento o dinheiro gasto com isso, fará falta para contas importantes e que pode até gerar dividas. É importante ter jogo de cintura e conversar bem com o companheiro (a).

Casamento e Dinheiro – Não expor suas verdadeiras maneiras de pensar

Mais uma vez com medo de decepcionar o parceiro ou parceira, ambos acabam por não comentar como se sentem em relação ao seu pensamento sobre dinheiro e isso faz com que o assunto nunca seja discutido e nem que cheguem a um acordo.

É preciso também que haja compreensão na parte de ambos, pois dessa forma o casamento estará cada vez mais firme, pois não haverá segredos entre ambos que tenham que ser discutidos e a confiança reinará.

Para isso acontecer é necessário ambos tenham uma conversa séria e longa para expor todos os pensamentos e por aí vai.

Casamento e Dinheiro – Sonhar sozinho

Muitos casais acabam por sonhar sozinhos, de modo que acabam por excluir o parceiro (a) de seus planos futuros. Se considerar que não há amor entre ambos, sonhar pensando no futuro sozinho não é algo estranho.

No entanto sonhar no casamento exige que ambos sejam parceiros um do outro, para que dessa forma até mesmo o sonho de um pode se transformar no sonho do outro quando a pareceria. Além disso a maneira de como vão batalhar junto será a força que um precisa do outro.

Casamento e Dinheiro – Não ser inteiro

Um amor pela metade torna um casamento algo impossível de ir para frente e por esse motivo é que em uma relação o casal deve estar inteiro um para com o outro de modo que seja possível atravessar todos os obstáculos financeiros sem passar por uma situação de risco para divórcio.

É preciso finalmente se assumir como adultos e colocar a ver todas as possibilidades de estar controlando os gastos, as contas e tudo que um casal adulto precisa fazer para se manter e que não falte diálogo entre ambos.

O casamento não é algo fácil e isto é algo que escutamos desde muito cedo, seja por nossos pais, avós, tias, enfim todos afirmam a dificuldade de que um casamento nos leva passar.

Por fim que haja diálogo, ambos não escondam nada um do outro e que também o tabu sobre o dinheiro seja finalmente esclarecido.

Somente assim é possível não permitir que o casamento seja abalado por causa das finanças e que ainda o casal passe por isso de maneira tranquila.

O Casamento ACABA! Se não mudar essas coisas!

6 Comentários

  • […] As bebidas é a parte na qual o casal bebe e aproveita para trocar olhares, então aproveite para estar fazendo alguns elogios, dizer que ama os detalhes do rosto, corpo, sorriso e enfim seja criativo. Faça o momento parecer ainda mais especial.  […]

  • O cartão de crédito facilitará e meu dia a dia e se não for possível liberar o crédito para mim ignore este pedido

  • O cartão de crédito facilitará meu dia a dia

  • Com o cartão de crédito compras com mais comodidade

  • Eu joao gostaria de fazer parte desta financeira que é a melhor no momento.

  • Pagar minhas dividas porque acredito nesta financeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: